© 2016 by Revista TU

BRUNA AMARAL

Nascida e moradora de São Vicente, Bruna se perdeu no caminho. Era pra ter nascido na Califórnia, no berço do skate, andando nas pistas de Santa Monica e escutando as bandas locais, como Sublime ou Suicidal Tendencies. Por algum erro de cálculo, foi colocada no mundo no litoral paulista, mas ela não se importa. Se você trocar meia dúzia de palavras com a Bruna, perceberá que ela é assim mesmo, parecendo uma das filhas do Nuno Leal Maia, na novela “Top Model”, dos anos oitenta. Tranquila, sempre te deseja paz, pensamentos positivos e demonstra estar de bem com a vida.

Bruna Amaral é um híbrido do pai e da mãe. O pai é surfista, pratica esportes em contato com a natureza, enquanto a mãe era modelo. Além da prática exercida pelos pais, Bruna puxou o gosto musical dos dois. “A galera fala que nasci em berço de ouro. Meu pai ouvia Heavy Metal, Hard Rock, minha mãe Hardcore, por incrível que pareça”, comenta orgulhosa. Acabou sendo influenciada pelos pais, mas também foi influenciada pelo lifestyle do skate, esporte que pratica desde os sete anos de idade. Além disso, é fã assumida da - diversa vezes - campeã de skate, Letícia Buffoni, e da surfista Tatiana Weston-Webb, “a galera fala que sou parecida com ela... nada a ver...”, conta rindo. “Elas trouxeram o lado feminino pro esporte, admiro elas como mulheres e atletas”.

Atualmente, Bruna dedica seu tempo à sua nova marca de roupas, pra lá de estilosas, projeto que começou recentemente. “Trabalho mais na divulgação, uso muito o Instagram, dedico bastante tempo com entregas das encomendas, esse é o meu trabalho hoje em dia. Tenho vendido bastante para Curitiba, para o Sul, Brasil todo”.  Outra parte do tempo que tem livre, gasta treinando. “Sou viciada em treino… treino de segunda à sexta, faço musculação no período da manhã e à tarde, faço funcional e muay thai. E skate, skate é o meu lazer, toda hora estou andando, pra qualquer canto vou com o meu skatezinho”.

Perguntada se alguma música a representa, ficou pensativa e respondeu: “Linda, louca e mimada”, da banda Oriente. Uns dos versos profetizam: “Ela só quer viajar, ela só quer viajar, Da night pra praia, da praia pra casa, da casa pro lar. No drop alucinante constante da onda eterna, Quem reina é ela no reino do mar”. Com uma vibe muito positiva, Bruna vai levando a vida serena, com seu skate embaixo do braço, ouvindo seu rock ‘n roll e deixando o tempo passar. Ela só quer viajar, da praia pra casa, da casa pro lar.